PUBLICA√á√ēES

Artigos Científicos

Publica√ß√Ķes cient√≠ficas com resultados de pesquisas realizadas pelo Museu Caranguejo Vivo atrav√©s da sua equipe t√©cnica.

My Image

Miss√£o

Construir cidades ou ambientes ecologicamente sustent√°veis e estimular o surgimento, o desenvolvimento, e a dissemina√ß√£o de uma consci√™ncia ambiental, atrav√©s de projetos t√©cnico-cient√≠fico e ambiental, al√©m de pr√°ticas, a√ß√Ķes e meios s√≥cios educativos.

O que encontrar

Diversos servi√ßos e atividades s√£o encontradas e desenvolvidas em nossa institui√ß√£o. Por exemplo, consultoria, educa√ß√£o ambiental, planejamento ambiental, caminhadas ecol√≥gicas, atividades com a comunidade ribeirinha, pesquisas, reflorestamento e muito mais‚Äč‚Äč‚Äč‚Äč‚Äč‚Äč‚Äč. ‚Äč‚Äč‚Äč‚Äč‚Äč‚Äč‚Äč

My Image

Manutenção de fauna e flora

Em nosso centro de pesquisa temos por objetivo contribuir para a preservação e manutenção dos estoques naturais das espécies de caranguejo estuarinos, assim como, a fauna associada nas áreas de mangue e estuários. Além de realizar plantio em áreas degradas das espécies de mangue vermelho e branco além de promover educação ambiental, social e cultural.

My Image

O Projeto

Projeto Museu Caranguejo Vivo

Levantamento e Registro das Esp√©cies de Mangue no Munic√≠pio de Ipojuca 

Tem por objetivo realizar a identifica√ß√£o e registro das esp√©cies de mangue que existe no munic√≠pio do Ipojuca nas √°reas dos centros de pesquisa Museu caranguejo vivo e unidades t√©cnicas de estudo do projeto.  


Atuando na seguinte linha de pesquisa:

Plantio em √°reas degradadas de mangue

My Image

Levantamento e Registro de Espécies

My Image

Projeto REMAR

(Rede de Monitoramento de Andadas Reprodutivas do Caranguejo ‚Äď u√ß√° e do Guaiamum)

Tem por objetivo registrar e monitorar o período de andadas reprodutivas ou não das espécies de Ucides cordatus e Cardisoma guanhumi, no litoral do município do Ipojuca em áreas de mangue, estuários e apicuns.

A Ong Instituto Cidade Verde por meio do Projeto de Pesquisa Museu Caranguejo Vivo tornou-se Colaborador associado da REMAR ‚Äď CIDAD√ÉO em dezembro de 2018.

Atuando na seguinte linha de pesquisa:

Registro, acompanhamento e o monitoramento das andadas reprodutivas de caranguejo ‚Äď u√ß√° e guaiamum

REMAR - CIDADÃO

Amigos do Caranguejo Vivo


Tem por objetivo promover a educa√ß√£o ambiental, estimulando a percep√ß√£o das pessoas na import√Ęncia da valoriza√ß√£o do ambiente onde est√£o inseridas.

‚Äč‚Äč‚Äč‚Äč‚Äč‚Äč‚Äč

Atuando nas seguintes linhas de pesquisa:

- Inclus√£o social e cultural de comunidades ribeirinhas em a√ß√Ķes sustent√°veis;

- Educa√ß√£o social, cultural e ambiental em p√ļblicos diversos visando √† sustentabilidade e a integridade ecol√≥gica das esp√©cies e da biodiversidade do mangue.

My Image

Amigos do Caranguejo Vivo

O Projeto Museu Caranguejo Vivo iniciou suas atividades em julho de 2017 e trata-se do estudo da bioecologia e o monitoramento do caranguejo ‚Äď u√ß√° (ucides cordatus) e do guaiamum (cardisoma guanhumi) numa perspectiva de preserva√ß√£o dos estoques naturais e de sua fauna associada nos manguezais do munic√≠pio do Ipojuca ‚Äď Pernambuco, Brasil.


√Č um centro de pesquisa ‚Äúin natura‚ÄĚ onde √© poss√≠vel conhecer, a biologia e ecologia das esp√©cies estuarinas, sem que haja a intera√ß√£o do indiv√≠duo com os animais.


A visita√ß√£o ao museu caranguejo vivo ocorre de forma sustent√°vel com foco t√©cnico ‚Äď cient√≠fico numa perspectiva educativa e cultural, proporcionando aos seus visitantes conhecimento das diversas formas de vidas estuarinas. Nesse centro de pesquisa √© poss√≠vel visualizar as biointera√ß√Ķes entre as esp√©cies locais.‚Äč‚Äč‚Äč‚Äč‚Äč‚Äč‚Äč


O Projeto Museu Caranguejo Vivo acontece no munic√≠pio do Ipojuca nas  seguintes √°reas:

> Manguezal e estu√°rio da Camboa;

>Maracaípe;

> Comunidade do Jiqu√≠ (Nossa senhora do √ď);

> Manguezal de Porto de galinhas;

> Serrambi.


Objetivo Geral:

Contribuir para a preserva√ß√£o, recupera√ß√£o e manuten√ß√£o dos estoques naturais da esp√©cie Ucides cordatus e Cardisoma guanhumi e sua fauna associada nas √°reas de mangue e estu√°rios no munic√≠pio do Ipojuca ‚Äď Pernambuco, Brasil, al√©m de atividades de reflorestamento do mangue e promover educa√ß√£o ambiental e cultural.  

Projeto Museu caranguejo vivo conta com importantes parceiros: Prefeitura Municipal do Ipojuca, Associa√ß√£o dos jangadeiros do Pontal de Maraca√≠pe - AJPM, ICMBIO / CEPENE ‚Äď PE, RENAMAN, Villa Forall (Porto de galinhas).

Nossas Atividades

My Image
My Image

A hist√≥ria do Museu Caranguejo Vivo come√ßou a partir das andadas do guaiamum e caranguejo u√ß√°, observou-se uma grande quantidade de pessoas pegando nos animais e levando do seu ambiente natural VIVO, foi quando surgiu a preocupa√ß√£o em proteger, preservar e orientar as pessoas de  modo pra a import√Ęncia em manter esse animal em seu ambiente natural, permitindo que o mesmo pudesse sobreviver no ecossistema e garantindo a continuidade de sua esp√©cie.

Surgiu ent√£o a entidade sem fins lucrativo INSTITUTO CIDADE VERDE que desde 2011 vem desenvolvendo a√ß√Ķes socioambientais no munic√≠pio de Ipojuca.

O projeto Museu Caranguejo Vivo atua desde 2017  na preserva√ß√£o e conserva√ß√£o dos caranguejos estuarinos em especial o caranguejo u√ß√° e o guaiamum bem com na fauna associada nos manguezais do munic√≠pio do Ipojuca.

My Image

Um time formado por profissionais biólogos e engenheiros florestais.

Equipe Técnica

O MUSEU

My Image

Sede do Museu Caranguejo Vivo

O passeio ecol√≥gico pelo mangue e estu√°rios do Centro de Pesquisa Museu Caranguejo Vivo tem por objetivo transmitir o conhecimento e apresentar a biodiversidade que existe no ecossistema manguezal, permitindo que os visitantes observem como as diversas esp√©cies de caranguejos estuarinos interagem em seu ambiente natural "VIVO" al√©m de outros animais.‚Äč‚Äč‚Äč‚Äč‚Äč‚Äč‚Äč

My Image
My Image

Venha conhecer o mangue e a biodiversidade do estu√°rio‚Äč‚Äč‚Äč‚Äč‚Äč‚Äč‚Äč‚Äč‚Äč‚Äč‚Äč‚Äč‚Äč‚Äč

‚Äč‚Äč‚Äč‚Äč‚Äč‚Äč‚ÄčPasseio Ecol√≥gico‚Äč‚Äč‚Äč‚Äč‚Äč‚Äč‚Äč

My Image

Entre em contato

Use o fomrulário abaixo para agendar um passeio ou falar com nossa equipe. Entraremos em contato o mais breve possível.

My Image

Michelle Bilro de Ara√ļjo

Bi√≥loga com Especializa√ß√£o em Recursos costeiros. 

My Image
My Image
My Image

Raimundo Alves

Geraldo Pereira

Moacir da Silva

Bi√≥logo com Especializa√ß√£o em Gest√£o Ambiental com √™nfase na Zona Costeira.

Pr√°tico de campo.

Agente ambiental

Centro de pesquisa

Caranguejos Estuarinos do Município de Ipojuca PE / Brasil

Tem por objetivo realizar a identificação com georrefenciamento das espécies de caranguejos estuarinos registrados no município do Ipojuca em áreas de mangue, estuários e apicuns.


Atuando na seguinte linha de pesquisa:

Pesquisa biol√≥gica (morfom√©trica, fisiologia e reprodu√ß√£o) e ecol√≥gica dos caranguejos estuarinos em especial do caranguejo ‚Äď u√ß√° e guaiamum. 

My Image

Caranguejo Estuarino

My Image
My Image
My Image

ATIVIDADES DE MANEJO E CONSERVA√á√ÉO DO ECOSSISTEMA ESTUARINO NO MUNIC√ćPIO DO IPOJUCA/ PERNAMBUCO:

Descrevemos um breve relato de atividades de pesquisa da equipe t√©cnica de Bi√≥logos do Projeto Museu Caranguejo Vivo, sendo elas: a√ß√Ķes como pesquisa biol√≥gica (morfometria, fisiologia e reprodu√ß√£o) e pesquisa ecol√≥gica dos caranguejos estuarinos em especial do caranguejo-u√ß√° e guaiamum; registro, acompanhamento e o monitoramento das andadas reprodutivas de caranguejo-u√ß√° e guaiamum com objetivo de contribuir para a preserva√ß√£o, recupera√ß√£o e manuten√ß√£o dos estoques naturais da esp√©cie Ucides cordatus e Cardisoma guanhumi e sua fauna associada nas √°reas de mangue e estu√°rios no munic√≠pio do Ipojuca ‚Äď Pernambuco, Brasil.

My Image

AULA DE CAMPO COM OS AGENTES DE DEFESA AMBIENTAL DA PREFEITURA DO IPOJUCA NO CENTRO DE PESQUISA DO PROJETO MUSEU CARANGUEJO VIVO ‚Äď MARACA√ćPE CIDADE DO IPOJUCA/PE:

‚Äč‚Äč‚Äč‚Äč‚Äč‚Äč‚ÄčEste trabalho apresenta relato da aula de campo com realiza√ß√£o de mais duas outras atividades em comemora√ß√£o alusiva ao Dia Mundial das √Āreas √ömidas (que comemora-se no dia 02 de fevereiro ‚Äď evento anual) para os agentes de defesa ambiental e demais integrantes da Secretaria de Meio Ambiente e Controle Urbano da Prefeitura do Ipojuca no Centro de pesquisa Museu Caranguejo Vivo do munic√≠pio do Ipojuca, as a√ß√Ķes tiveram apoio da Associa√ß√£o dos Jangadeiros do Pontal de Maraca√≠pe, que teve por objetivo promover a educa√ß√£o ambiental, cultural e social, estimulando a percep√ß√£o das pessoas na import√Ęncia da valoriza√ß√£o do ambiente e preserva√ß√£o da fauna e flora do ecossistema manguezal.

My Image
My Image

CONHECIMENTO in natura POR MEIO DE VISITA√á√ÉO T√ČCNICA AO CENTRO DE PESQUISA MUSEU CARANGUEJO VIVO UNIDADE CAMBOA - MARACA√ćPE - PE:

Os manguezais s√£o ecossistemas t√≠picos de estu√°rios, localizados nas costas continentaisem √°rea de transi√ß√£o terrestre e aqu√°tica, bem como no encontro de rios e oceanos/mares. Conhecer este ecossistema e proteg√™-lo faz parte dos objetivos do Museu Caranguejo Vivo, atrav√©s de visitas t√©cnicas guiadas, palestras, cursos e capacita√ß√Ķes.Neste sentido, a visita t√©cnica guiada tem como objetivo explanar e sensibilizar os participantes sobre os aspectos relacionados √† import√Ęncia e conserva√ß√£o do ecossistema manguezal, al√©m de trabalhar a percep√ß√£o ambiental dos mesmos uma pr√°tica para aproxim√°-los deste ambiente.

Galeria de fotos

Mar - Estu√°rio - Manguezal

Voc√™ visitante tem uma experi√™ncia √ļnica em nossa companhia.

O nosso ponto de encontro √© em Muro Alto. Uma piscina natural onde embarcamos no catamar√£ rumo ao Centro de pesquisa Museu caranguejo vivo. No caminho temos algumas paradas: numa ilhota para ver toda a beleza do encontro do mar com o rio (estu√°rio). E em seguida paramos num plantio de mangue onde os pescadores descansam e conhecemos algumas esp√©cies como o lambe pau, unha de velho, marisco, taioba, entre outros animais estuarinos. Na sequ√™ncia ent√£o navegaremos pelos rios Ipojuca e Merepe, onde chegaremos nas √°reas de mangues mais conservadas do munic√≠pio do Ipojuca passando por pequenas ilhas em meio ao v√īo das gar√ßas brancas chegando ao Centro de pesquisa √°rea de estudo do Projeto Museu Caranguejo Vivo onde encontraremos as esp√©cies raras de caranguejo estuarinos que s√≥ existe neste local.

Uma experi√™ncia √ļnica

Horário de visitação

09:00hs às 11:00hs

13:00hs às 15:00hs

15:00hs √†s 17:00hs 

Nossos Parceiros:

Nossa história

A hist√≥ria do Museu Caranguejo Vivo come√ßou a partir das andadas do guaiamum e caranguejo u√ß√°, observou-se uma grande quantidade de pessoas pegando nos animais e levando do seu ambiente natural VIVO, foi quando surgiu a preocupa√ß√£o em proteger, preservar e orientar as pessoas de  modo pra a import√Ęncia em manter esse animal em seu ambiente natural, permitindo que o mesmo pudesse sobreviver no ecossistema e garantindo a continuidade de sua esp√©cie.

Surgiu ent√£o a entidade sem fins lucrativo INSTITUTO CIDADE VERDE que desde 2011 vem desenvolvendo a√ß√Ķes socioambientais no munic√≠pio de Ipojuca.

O projeto Museu Caranguejo Vivo atua desde 2017  na preserva√ß√£o e conserva√ß√£o dos caranguejos estuarinos em especial o caranguejo u√ß√° e o guaiamum bem com na fauna associada nos manguezais do munic√≠pio do Ipojuca.

Passeio Ecológico